segunda-feira, maio 31, 2010

hibernar


hoje começou o frio
hora de acolher- me
interiorizar -me
em uma íntima visão
escutar o corpo, como ele se relaciona com o ambiente.
hibernar
Syl:)

nesse mundo onde me escondo

a escuridão que me separa de você
é a mesma escuridão que precisei enfrentar para voltar
um abismo de diferenças que minha lucidez não permitiu vivenciar
éramos só dois pontos em caminhos diferentes
com destinos separados
criando verdades com marcas
de um longínquo e inexistentes laços
...
sabíamos onde iríamos chegar e decidimos não viver
nesse mundo onde vivo a me esconder
Syl:)

a semente



Ontem acordei e passei o dia cuidando das plantas aquela sensação de replantar tomou conta de meu jardim
estava tão envolvida que nem me dei conta do tempo

é um momento de abstracção total
é uma nova oportunidade de florescer e começar novamente um ciclo
é essa percepção foi tomando conta de minhas células, e PERCEBI como é bom recomeçar ...
rejuvenesce ,
faz a gente crescer

Acordei com novos planos. com novos sonhos .Syl:)
...

domingo, maio 30, 2010

Matar o sonho é matarmos-nos. É mutilar a nossa alma. O sonho é o que temos de realmente nosso, de impenetravelmente e inexpugnavelmente nosso.
Fernando Pessoa

quinta-feira, maio 27, 2010



Quero para mim o espírito desta frase,
transformada a forma para a casar com o que eu sou:
Viver não é necessário; o que é necessário é criar.
Fernando Pessoa


quarta-feira, maio 19, 2010

C'è una linea sottile tra amore e vivere l'amore

grazie...


di esistere nei miei sogni
nei miei occhi
Syl:)

terça-feira, maio 18, 2010

... balbuciar

irrelevante no momento
faz parte ...
uma maneira um tanto eclética de me encontrar
Syl:)

efeito de contradizer- me

Uma instrutora de Yoga pensando no futuro.
Pode isso?

ir ao cerne da questão.



Existe a linha ténue entre escrever e estar vivendo uma existencial crise ...

As vezes quem conhecemos nos muda para sempre

viver o presente

e que seja intenso e promissor ...

domingo, maio 16, 2010

escolhas

entre viver intensamente o presente com a pessoa que eu amo
ou investir em um futuro incerto com alguém que ainda nem conheço

sábado, maio 15, 2010

testando meu desapego

Foi uma experiência gratificante me deletar do orkut
Era uma dependencia banal e ilusória ...
Não quero mais brincar ...no momento rsrs
Molte cose da fare!
No mundo sempre existirão pessoas que vão te amar pelo que você é, e outras, que vão te odiar pelo mesmo motivo. Acostume-se....'

sexta-feira, maio 14, 2010

derrotada

como é difícil mover algumas peças
remetem aos meus medos
remete a minha falta de auto estima
como é difícil tomar uma decisão
quando se ama
mesmo sabendo que essas peças nunca sairão do lugar
as vezes é preciso abandonar quando não há como solucionar
é preciso não olhar para trás
já que você sabe onde essas peças não vão chegar
é difícil deixar de amar
é sofrido abrir mão quando se ama
é difícil matar o coração

Questionamento

Questionando meu amor próprio

triste...apenas triste

Hoje acordei triste com vontade de chorar
Hoje acordei sem sentidos
sem chão
Hoje queria andar pelas ruas até me encontrar
Queria abandonar tudo
mudar
Queria perder o medo de recomeçar
Hoje queria fechar meu coração
Queria ter uma ilha dentro de mim
para nunca mais amar
Hoje acordei consciente que preciso decidir
e partir
Só preciso aceitar
Só preciso deixar passar
Doi quando se ama e quer mais
estou sozinha ...sempre estou sozinha
estou indiferente as coisas e o mundo
e só quero agora dormir e sonhar
por que os sonhos são verdadeiros ,ingenuos
e me faz sentir me melhor
não me acorde mais!
é melhor
:(

quinta-feira, maio 13, 2010

inexigivel

não posso exigir de mim mesma
não saborear o desconhecido
desfrutar do não vivido
quando a fantasia é a arte dos amantes felizes ...
é bom estar vulnerável as sutis experiências de um sonho lúcido
quem seria capaz de fazer o último julgamento e sacrificar meus delírios ?
é imprescindível fantasiar nesse momento mesmo sucinto
pode ter certeza que não será eterno,
quem vai deixar de deferir esse desejo ?
quem?

quarta-feira, maio 12, 2010

inexorável tempo




ando sabotando o tempo
esperando passar
o desejo ardente de mudar as coisas
que estão nos contratempos
concedendo-me as horas
que podem até me derrotar
Syl:)

desconhecido em mim.

olhos no espelho...
não são meus...
em seus braços durmo para não acordar...
pensando em encontrar respostas, daquilo que ficou para trás
intacto,
no mesmo lugar .

eu tento acordar
e sair desse lugar

e você continua aqui.
perene no ar
aquele que ainda não conheço
me acolhe quando adormeço
em um silencio profundo
que
desconheço
tenta me tranquilizar
durmo para não acordar
para viver em seu olhar
para possuir esse momento
para viver intensamente o sentimento

mas o tempo é perecível
e me faz acordar
e na manhã ainda está em mim
impregnado
no desejo de encontrar
uma resposta para o que ficou para trás

Come on !

"Come on and save me... If you could save me

terça-feira, maio 11, 2010

não importo

indiferente,
eu não me importo.
No silencio,
imersa em meus conflitos,
eu não me envolvo.
Absorvida pelas minhas questões íntimas,
eu não vejo.
Quero só esse momento para mim,
e nos sonhos,
já não existe.
E, eu,
desinteressada,
...
vivo e não vejo mais ninguém.
Abstraída,
não tenho necessidade da fala.
Perco-me entre as dimensões
Trancafiada em um mundo um pouco diferente do trivial,
não tenho vontades.
Há vagas profundas que me assolam
Num rompante instantâneo,
só observo.
SYL:)
as coisas não são como elas são
as coisas não acontecem no tempo que é

ensaios

acordo de manhãzinha e observo tudo em um rápido instante...
tudo está em sintonia.
faço um café e sento para observar esse momento tão natural que é a vida,
e tento extrair através das sensações ,respostas da minha existência
fico calada ...silencio minha mente e meu coração e deixo a natureza passar
gratificante é esse ínfimo momento que absorvo-me
É mais um dia para recomeçar
É mais uma experiência para viver
...
as coisas não são como elas são
as coisas não acontecem no tempo que é
SYL:)

pensamentos


Ínfimo é esse momento que tento descrever através de meu coração
Ilusório é esse instante que você lê como uma verdade...
Syl:)

catarse

quando tudo aconteceu
eu estava no meio de uma confusão
estava me questionando
sobre a existência
sobre a vida
sobre o nada
quando tudo desapareceu
eu estava ali
naquele cenário obscuro
esperando uma resposta
sem pergunta
esperando um adeus.
syl

quinta-feira, maio 06, 2010

dúvidas...

O que é a vida
um momento sem sentindo
indiferente
o que é a vida
um instante surpreendente?
...
o que é esse instante
que me pega de surpresa
e desloca meu eu
o que é esse momento
que tranforma o inesperado
em um grande tormento
o que posso esperar de mim
quando vivo o incerto
quando respiro a dúvida
o que é a mente
que através da fantasia
mente
o que é a mente
que através da racionalidade
finge que sabe
e
....
caminho procurando um sentindo
através de meus instintos
procuro através do meu coração
um lugar para me encontrar
nesse caminho cheio de linhas e curvas
despeço me
todos os dias
na esperança de me encontrar
em outro tempo
desloco-me
apenas para passar
o tempo
...
na verdade gosto de fingir quem sou eu
gosto de imaginar o imaginário
gosto de viver o abstrato
o subjetivo
saboto-me
na certeza de me encontrar
syl