domingo, julho 03, 2011

no chão

Quando tudo está destruído
dentro de mim
e ainda não consigo levantar
desacredito
quando tudo está apático
começo a procurar uma maneira de apenas sobreviver
até me reencontrar e voltar a amar
ter paixão pela vida
penso
despeço-me
da efémera vida
para colocar meus pés
novamente no chão
e seguir
para um lugar desconhecido
mas que me traga agora
paz