segunda-feira, agosto 15, 2011

meio ano de tempestade

dentro da tempestade , pude perceber os caminhos que a partir de agora preciso trilhar
estou exausta nesse momento
mas confiante em meu universo
que minha natureza se dissolva em mim mesma
que minhas direcções e contextos separam -se
despeçam -se
para esse novo recomeço
que no meio melancólico e frustrante da perda
da rejeição
eu novamente possa me encontrar
em meios cacos e acordar
para uma nova partida
uma nova viagem
de reconhecimento