segunda-feira, março 04, 2013

O fato é que tenho nas minhas mãos um destino e, no entanto, não me sinto com o poder de livremente inventar.
Sigo uma oculta linha fatal.
Sou obrigado a procurar uma verdade que me ultrapassa.